Empreendedorismo Feminino

Eu costumo dizer, que se eu não fosse empreendedora, não sei o que mais eu poderia ser. Comecei por necessidade, e apesar de todos os dias ter que lidar com desafios de maneira incansável, essa é quem eu sou, e empreender na área de desenvolvimento humano, é uma das coisas que eu mais amo na vida. 

Tati, é muito difícil empreender?

É sempre difícil começar um negócio, ainda mais quando não se tem nenhuma base ou apoio financeiro. Mas além disso, é muito mais desafiador quando se é mulher. Isso porque o mercado brasileiro ainda é muito tradicional, e de certa forma não vê negócios dirigidos por mulheres como totalmente confiáveis e bem-sucedidos 

É preciso ter muita paciência e dedicação, porque não existe uma fórmula mágica para fazer um negócio dar certo. O que existe, são maneiras de melhor produzir, estratégias desenhadas para o seu ramo em específico, e muita atualização sobre o que está acontecendo a sua volta.

Ser empreendedora e mulher, é estar sempre em meio a dúvida! Tanto por parte das pessoas de fora, quanto duvidando de si mesma. Será que eu vou dar conta? Como vou fazer para me dedicar totalmente e ainda ser uma boa mãe para as crianças? Será que eu não deveria buscar algo mais estável? 

Por diversas vezes essas questões rodearam a minha cabeça. Mas mesmo assim, eu fui em frente, e hoje não me arrependo nem um pouco. Então para você mulher que quer empreender, o meu conselho é: FAÇA! 

Se você tem uma boa ideia, e um desejo muito grande de que ela dê certo, vá em frente. Você não vai deixar de ser uma boa mãe por trabalhar, muito pelo contrário, você estará construindo um futuro para seus filhos! 

Eu preciso começar abrindo uma empresa grande?

Muito se engana quem pensa que empreendedorismo, se trata apenas da abertura de grandes empresas. Uma mulher que produz sabão com suas filhas para vender em seu bairro é uma empreendedora. Aquela que faz salgados e bolos por encomenda é uma empreendedora. E a que tem uma lojinha de artesanato virtual, também! Assim como as que abrem grandes negócios e startups, essas mulheres também são empreendedoras.  

Uma pesquisa realizada pelo SEBRAE em 2018 , mostre que em um total de 52 milhões de Empreendedores no Brasil, 24 milhões são mulheres. E é através do empreendedorismo feminino,que muitas mulheres encontram uma forma de se sustentar, de ganhar espaço na sociedade, de fazer a diferença em sua família e no mundo. 

Isso é muito importante, porque além de lucro e estabilidade financeira, nós mulheres temos uma tendência muito maior a colocar a mão na massa, investir, não necessariamente dinheiro, mas força de vontade e tempo, em causas sociais. Por isso, eu digo e repito, CORRA ATRÁS DOS SEUS OBJETIVOS, não deixe que ninguém te diga que você não vai conseguir, apenas faça com amor e dedicação, e eu tenho certeza que o sucesso vai ser uma consequência

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.